quinta-feira, 24 de abril de 2014

Jogos Indígenas da Paraíba são abertos oficialmente na aldeia Jaraguá, em Rio Tinto

"Os Jogos vão até domingo (27) e mais de 900 índios, entre homens e mulheres, se inscreveram para participar nas modalidades de: futebol, futsal, cabo de guerra, corrida do toro, canoagem, arco e flecha e arremesso de lança."

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), abriu oficialmente nesta quinta-feira (24), na aldeia Jaraguá, em Rio Tinto, os Jogos Indígenas da Paraíba 2014. O evento contou com o desfile das 37 tribos participantes e ainda apresentação de grupos folclóricos que resgatam a cultura indígena potiguara, bem como a dança do toré. Um fato que chamou a atenção do público presente à solenidade foi o juramento do atleta feito na língua tupi guarani pelo cacique Júlio, da aldeia Forte, de Baía da Traição.
Os Jogos vão até domingo (27) e mais de 900 índios, entre homens e mulheres, se inscreveram para participar nas modalidades de: futebol, futsal, cabo de guerra, corrida do toro, canoagem, arco e flecha e arremesso de lança.
O secretário de Juventude, Esporte e Lazer, Tibério Limeira, que representou o governador Ricardo Coutinho, fez a abertura do evento e reafirmou o compromisso do Governo do Estado ao povo indígena. “Desde que assumiu em 2011, o governador Ricardo Coutinho sempre marcou presença na semana do índio e neste ano de 2014 anunciou investimentos de R$ 2 milhões para a pavimentação dos acessos a várias aldeias potiguaras”, disse.
Tibério ainda ressaltou a importância dos Jogos Indígenas para a integração entre as aldeias. “Os Jogos têm a finalidade, além de desportiva, de integrar socialmente as aldeias dos três municípios. E por isso, pelo terceiro ano consecutivo, o Governo do Estado investe para que o povo indígenas tenha direito a um evento de grande porte ligado diretamente ao esporte”, enfatizou.
Para o cacique geral das tribos potiguaras, Sandro Gomes, o Governo do Estado sempre tem olhado para as comunidades potiguaras de forma democrática. “Em 2012, a sede do evento foi na Baía da Traição, no ano passado em Marcação e agora, numa tribo em Rio Tinto. Os Jogos são feitos de forma democrática”, destacou.
Participaram da solenidade, a prefeita de Rio Tinto, Dudu de Brizola, o prefeito de Baía da Traição, Manoel Messias, a vice prefeita de Marcação, Lili, vereadores e secretários dos municípios envolvidos. Os Jogos Indígenas da Paraíba são realizados pelo Governo do Estado, por meio da Sejel e Secretaria de Estado da Diversidade Humana (SEDH), em parceria com as prefeituras de Rio Tinto, Baía da Traição e Marcação.
FONTE PBVALE Da redação, com informações da Assessoria